quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Aeroporto Regional de Correia Pinto recebe últimos investimentos com vistas às operações

O Governo de Santa Catarina iniciou nesta quarta-feira, dia 21, a última e mais importante etapa de investimentos com vistas às operações do Aeroporto Regional do Planalto Serrano, no município de Correia Pinto. As obras são fundamentais para a homologação por parte da Aeronáutica e da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e, consequentemente, para o tão aguardado início dos voos.
Uma equipe da empresa Telear Tecnologia em Aeroportos, sediada em Porto Alegre (RS) e com 30 anos de serviços prestados a vários aeroportos no Brasil, chegou a Correia Pinto no início da manhã com um caminhão cheio de equipamentos.
Os profissionais executarão diversos serviços que deixarão o empreendimento pronto para operar e em condições de receber voos. Entre as principais ações estão o balizamento noturno da pista, instalação do farol de aeródromo, biruta iluminada, casa de força, sistema de radionavegação (NDB), estação de rádio (EPTA), meteorologia e sistema Papis (luzes colocadas na cabeceira da pista e que servem de importante auxílio visual aos pilotos durante os pousos).
Os dutos que receberão todo o sistema elétrico serão instalados já pensando numa futura ampliação da pista, dos atuais 1,8 mil metros de comprimento e 30 de largura para 2,5 mil metros de comprimento e 45 de largura.

Empresa vai assumir também a homologação do aeroporto junto aos órgãos federais

Outra importante atribuição a ser assumida pela Telear é o encaminhamento da homologação do aeroporto junto aos órgãos federais competentes. Os pedidos foram protocolados em 2015 pelo Governo do Estado.
Em agosto deste ano, o governador Raimundo Colombo recebeu o parecer favorável do comando da Aeronáutica e, em setembro, o aeroporto de Correia Pinto passou por uma vistoria de técnicos da Anac, que nas próximas semanas devem emitir um relatório.
“Não tem lógica a empresa apenas executar todos os serviços e entregar ao cliente, no caso o Governo de Santa Catarina, sem a devida homologação. Por isso vamos fazer toda essa parte burocrática, e concluiremos os nossos trabalhos com o aeroporto pronto e autorizado a receber aviões”, diz o diretor da Telear, Renato Albrecht, que na manhã desta quarta-feira esteve em Correia Pinto e elogiou o empreendimento.
“Fui militar da Aeronáutica e tenho bastante experiência nessa área. O aeroporto de Correia Pinto foi muito bem projetado e executado, e o principal ganho em relação a outros aeroportos é a segurança de voo proporcionada às aeronaves”.
Os trabalhos da Telear iniciados nesta quarta-feira deverão se estender durante todo o primeiro semestre de 2017 e receberão investimentos de aproximadamente R$ 3 milhões do Governo do Estado de Santa Catarina.

======================================================

Agência de Desenvolvimento Regional de Lages

Gerência de Comunicação


Pablo Gomes - Jornalista

Nenhum comentário:

Postar um comentário