sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Lages inaugura Cras acima do padrão exigido pelo Ministério do Desenvolvimento Social


Fita de inauguração foi rompida, refletindo o começo de uma realidade ainda mais promissora para a comunidade do bairro Centenário e adjacências

Um território cuja abrangência é composta por aproximadamente 15 mil habitantes será beneficiada a partir de agora em virtude da inauguração do novo Centro de Referência de Assistência Social Maria Aparecida Gomes (Cras II), no bairro Centenário. A nova estrutura foi aberta à comunidade na tarde desta quinta-feira (15) pelo prefeito Toni Duarte e pelo secretário da Assistência Social, José Amarildo Farias, em solenidade prestigiada por outros secretários municipais, membros do Poder Legislativo e da Polícia Militar (PM), presidentes de associações de moradores, comunidade em geral e os filhos da homenageada que dá nome ao Cras, a professora Tia Cida, Jackson Fabiano Gomes e Ângela Mara Gomes.
A edificação compreende 360 metros quadrados, divididos em almoxarifado, duas salas de atendimento psicossocial, sala de coordenação, recepção, espaço de lazer para crianças sala multimídia com acesso à Internet e destinado à produção de currículos por parte da comunidade, além de rampa de acessibilidade na parte externa do prédio. Os investimentos foram de R$ 500 mil, destes, cerca de 70% são provenientes do Governo Federal e contrapartida de 30% do Município. O Governo Federal direcionou para o Cras II, ainda, um veículo Gol zero quilômetro, no valor de R$ 39 mil. “O Município demonstrou sua preocupação com a infraestrutura da cidade. Especificamente nesta região, foi implantado o sistema de saneamento básico do Complexo Araucária, entre outras melhorias significativas. Estes profissionais do Cras II compõem uma equipe valorosa. A comunidade conta com um imóvel contemporâneo e de design apropriado. Melhor que isto, conta com profissionais capacitados e comprometidos em ouvir e corresponder às expectativas dos habitantes. Estamos fechando 2016 com uma Lages diferente para sua gente”, pontua o prefeito, Toni Duarte.

Excelência

São beneficiados moradores dos bairros Centenário, Morro Grande, Vila Nova, São Luiz, Santo Antonio, Santa Catarina, Araucária, Novo Milênio, Santa Clara, Santa Cruz de Malta, Conte e Triângulo além dos loteamentos Deco, Letti, Golin e Maria Angélica. O atendimento é prestado de segunda a sexta das 8h às 18h sem fechar no horário de almoço e durante as férias coletivas municipais será de segunda a sexta das 13h às 19h, No dia 2 de janeiro de 2017 o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) já voltará a ser prestado na nova sede.
O secretário José Amarildo Farias lembra que o equipamento entregue à comunidade soma-se aos demais inaugurados nos últimos quatro anos. “A estrutura está acima do modelo priorizado pelo Ministério do Desenvolvimento Social, que é de 185 metros quadrados. É mais confortável e obedece a um modelo moderno, uma referência em nível de Brasil. Foram inaugurados o Cras VIII, do Gralha Azul (em março de 2016); Cras VII, do Conta Dinheiro (final de 2015), o novo do Centenário (Cras II) e o espaço do Bela Vista que passou de núcleo para Cras. Portanto, são oito equipamentos importantíssimos para a nossa população que tanto necessita de apoio do Poder Público.” E além do Creas do bairro Centro agora existem mais dois: Bairros Coral e Centenário.

Mais de quatro mil atendimentos

O Cras II está instalado na rua Visconde de Cairú, 197, ao lado da até então sede do serviço socioassistencial, formando um verdadeiro complexo de suporte público, onde estão sendo implantada uma Unidade Básica de Saúde (UBS), além da existência de um Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e das obras de um Centro de Educação Infantil Municipal (Ceim), no mesmo endereço. O Cras ficou fixado por nove anos no antigo espaço, anteriormente foi o Centro Social Urbano (CSU) com a oportunização de cursos de qualificação e antes ainda abrigava a realização de bailes. Os Cras são a porta de entrada de acesso aos serviços de proteção social básica do Sistema Único de Assistência Social, o Suas.

Respeito maior

Os cômodos do prédio do Centenário são bem mais amplos e adaptados para as demandas da população. A coordenadora do Cras II, Katia Scos Ferreira, explica que existem cerca de quatro mil famílias cadastradas, sendo que mais de 300 são acompanhadas. Entre janeiro e novembro deste ano, mais de quatro mil atendimentos foram prestados, além de realizadas 700 visitas domiciliares. Serão fornecidos os serviços de assistentes sociais e psicólogos, a partir de assistência e acompanhamento de famílias em situação de vulnerabilidade ou risco social através do Programa de Atenção Integral à Família (Paif). Outras atividades permeiam o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), grupos de crianças, adolescentes e idosos. A equipe é composta, ainda, por facilitadoras, assistentes administrativos, orientadores sociais, coordenadora, motorista, auxiliar de serviços gerais e cozinheira, totalizando 15 servidores. “Nós atuamos na prevenção para que os direitos não sejam violados”, reforça a coordenadora. A antiga sede será desativada para o Cras e aguarda-se que a comunidade da região requisite o espaço e este seja destinado à Associação de Moradores ou à Polícia Comunitária.
Marlene Gonçalves tem 73 anos e mora no Centenário e acompanhou a cerimônia de inauguração. Ela frequenta as atividades de ginástica e brincadeiras do grupo da terceira idade e o curso de pintura e artesanato. “O ambiente será bem aproveitado. Está lindo. Estão de parabéns. Eu era depressiva e graças ao tratamento que deram aqui hoje sou uma pessoa contente. O Cras levantou minha estima. Eu considero essas meninas (funcionárias) como minhas filhas. Gosto muito do atendimento”, conta a cidadã, que também é componente do Setor 6 da Polícia Comunitária, devido a sua vontade de bem ajudar a sua comunidade.
Legenda: Cras II beneficia 16 bairros e loteamentos (Foto: Silviane Brum)
______________________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário