quinta-feira, 11 de maio de 2017

Prefeitura planeja e projeta importantes obras ______________________________________________

O primeiro ano da administração pública, quadriênio 2017-2020, terá a execução de destacado conjunto de obras
O ano de 2017, primeiro da atual administração público-municipal, será marcado por projetos e importante conjunto de obras realizadas pela prefeitura. E para que isso se torne realidade, a Secretaria de Planejamento e Obras já projeta aquela que será obra histórica para Lages: a revitalização do centro da cidade, com destaque para a nova Praça João Costa (calçadão central). Também estão sendo planejadas obras de revitalização do Mercado Público Municipal, a reforma do Ginásio Jones Minosso, o projeto do novo Centro Administrativo Municipal e a implantação da pista de atletismo (no estádio municipal), estas duas últimas fazendo parte da infraestrutura para os Jogos Abertos de Santa Catarina.
Paralelo a este planejamento, também são elaborados projetos de pavimentações de vias urbanas, contemplando cerca de 70 ruas do itinerário do transporte coletivo urbano, e de outras onde se localizam órgãos públicos, a exemplo de Unidades Básicas de Saúde, Centros Municipais de Educação Infantil e Centros de Referência de Assistência Social (CRASs), e mais cerca de 15 ruas e avenidas que passaram por obras de revitalização completa.
Além destas, dezenas de outras ruas serão pavimentadas ou reurbanizadas, incluindo aí os projetos de pavimentação contemplados com subsídio da prefeitura, ou seja, através dos quais os moradores não terão de arcar com 100% dos custos da obra (espécie de programa de pavimentação solidária).
No bairro Guarujá, o projeto de pavimentação da Rua Emílio Blum é uma das boas novidades anunciadas pelo secretário de Planejamento e Obras, Clayton Bortoluzzi. “Trata-se de rua de interligação das avenidas das Torres e 31 de Março. Além desta também será contemplada a Rua Sempre Viva, no bairro da Penha, via com acesso na Avenida Bruno Luersen e confluência com a Avenida Nossa Senhora da Penha (esta em adiantada fase de obras). Caso a Caixa Econômica Federal aprove estes projetos, lançaremos o edital de licitação ainda neste mês de maio”, anuncia Bortoluzzi.
O secretário lembra que igualmente estão sendo projetadas obras de construção de pontes de concreto em várias regiões da cidade. “Ao mesmo tempo em que se planeja e projeta essa série de obras, outras já estão sendo executadas. Note-se, por exemplo, as pavimentações da rua Nossa Senhora da Penha (bairro da Penha), Avenida das Torres (no Guarujá) e trecho da Rua Fortaleza (no Santa Helena). As três com recursos do Governo do Estado e contrapartida da prefeitura de Lages.


Rua Nossa Senhora da Penha: As obras estão adiantadas e compreendem extensão de 1.010,93 metros de via. Iniciaram no dia 6 de fevereiro e consistem de drenagem, pavimentação asfáltica, meios-fios e sinalização. O custo é de R$ 1.694.106,50 e a empresa contratada é a CCL Construtora Ltda.

Rua Fortaleza: Com 127 metros de extensão e oito metros de largura (1.266,81 m²), esta obra tem custo de R$ 119 mil. Iniciada em 09 de março, falta bem pouco para ser implantada a camada asfáltica.

Avenida das Torres: A pavimentação da Rua Bento Antunes, sequência da Avenida das Torres, iniciou dia 1º de março e a previsão é de que esteja concluída no dia 1º de julho, num prazo de quatro meses corridos. Também está incluso neste projeto pavimentação e construção de passeios em trechos das ruas Porto Seguro e Vera Cruz, para possibilitar acesso da Avenida das Torres à Avenida 31 de Março. Os recursos no valor de R$ 2.500.000,00, orçados pela Agência de Desenvolvimento Regional (ADR Lages) são oriundos do Fundo Social, do Governo do Estado, liberados via Secretaria Executiva de Supervisão de Recursos Desvinculados.
Fotos: Marcelo Pakinha
 



Outras informações acesse o site: 

http://www.lages.sc.gov.br Prefeitura de Lages 

Nenhum comentário:

Postar um comentário