quarta-feira, 7 de junho de 2017

Deputado Coruja critica Governador Colombo sobre promessas de campanha para Lages





Coruja lembra a Colombo que ele ainda não cumpriu as promessas feitas aos lageanos, na campanha, e pede que ajude a cidade, neste momento

O deputado Fernando Coruja ocupou a tribuna da Assembleia para chamar a atenção do governador do estado, Raimundo Colombo, sobre o grave problema que várias regiões de Santa Catarina enfrentam e especialmente a população de Lages, com 12 bairros afetados e centenas de pessoas desabrigadas pelas cheias. "O governador que até agora não conseguiu cumprir os seus compromissos de campanha - promessas feitas aos lageanos, precisa ajudar as pessoas que estão enfrentando essa tragédia e também precisa ajudar a prefeitura a implantar as obras necessárias para resolver o problema. Sabemos que isso exige investimentos que o município não tem condições de arcar", disse Coruja ao mesmo tempo em que criticou a demora do governador em visitar a região atingida pela enchente. 
Coruja lembrou que quando assumiu a prefeitura de Lages,  na década de 90,  o problema das enchentes na cidade era uma constante e ele realizou uma grande obra para mudar essa realidade: eliminou a curva mais fechada do Rio Caveiras, que represava as águas do Carahá. "Foi uma obra importante, mas não conclusiva para a solução do problema. Novos investimentos precisam ser realizados e o governador, reeleito, ainda tem tempo pra isso", ressaltou Coruja.  
O deputado Fernando Coruja ocupou a tribuna da Assembleia para chamar a atenção do governador do estado, Raimundo Colombo, sobre o grave problema que a população de Lages está enfrentando, com 12 bairros afetados e centenas de pessoas desabrigadas pelas cheias. "O governador que até agora não conseguiu cumprir os seus compromissos de campanha - promessas feitas aos lageanos, precisa ajudar as pessoas que estão enfrentando essa tragédia e também precisa ajudar a prefeitura a implantar as obras necessárias para resolver o problema. Sabemos que isso exige investimentos que o município não tem condições de arcar", disse Coruja ao mesmo tempo em que criticou a demora do governador em visitar a região atingida pela enchente. 

Coruja lembrou que quando assumiu a prefeitura de Lages,  na década de 90,  o problema das enchentes na cidade era uma constante e ele realizou uma grande obra para mudar essa realidade: eliminou a curva mais fechada do Rio Caveiras, que represava as águas do Carahá. "Foi uma obra importante, mas não conclusiva para a solução do problema. Novos investimentos precisam ser realizados e o governador, reeleito, ainda tem tempo pra isso", ressaltou Coruja.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário