sexta-feira, 11 de maio de 2018

Reparos no calçadão Túlio Fiúza são necessários e temporários



A correção estrutural de faixas do piso tem por objetivo evitar que as pessoas que ali transitam diariamente tropecem em pedras soltas, ou seja, é uma questão de segurança

Equipe de reparos de emergência da Secretaria Municipal de Planejamento e Obras trabalha no calçadão Túlio Fiúza de Carvalho, em frente à agência do Banco do Brasil. Os serviços realizados compreendem a remoção e reassentamento das pedras de ardósia que se descolaram da base de concreto. Soltas, estas pedras podem provocar eventuais tropeços dos transeuntes que circulam por aquele espaço público diuturnamente. Na faixa de acesso à rua Hercílio Luz, parte do piso do calçadão teve a retirada da ardósia, substituída por argamassa de concreto.
O secretário de Planejamento e Obras, Claiton Bortoluzzi, disse que os serviços são necessários, porém, não deixam de ser temporários, em virtude do projeto de construção da nova praça central de Lages. Este projeto engloba a revitalização da Praça João Costa (calçadão central), assim como o calçadão Túlio Fiúza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário